A PRESENÇA LUSÓFONA NA MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA DE SP

No próximo dia 21 de outubro tem início a 45ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que neste ano conta com 264 títulos de mais de 50 países. Com a volta dos eventos presenciais, este ano os filmes voltam a ser exibidos em 15 espaços da cidade, sempre seguindo rígidos protocolos de segurança contra a Covid-19, como a ocupação de apenas 50% da lotação das salas, uso obrigatório de máscara durante toda a exibição, apresentação do comprovante de vacinação e um intervalo mínimo de 30 minutos entre as sessões para que as salas sejam higienizadas.

A programação também inclui exibições gratuitas ao ar livre no vão do MASP e no Vale do Anhangabaú e ainda uma parte do conteúdo disponibilizada online nas plataformas Mostra Play, Sesc Digital e Itaú Cultural Play.

Além dos filmes, a Mostra também irá promover uma oficina de stop motion, uma master class de direção de arte, lançamento de livros e o Seminário Internacional Mulheres do Audiovisual, com duas mesas gratuitas, abertas ao público e transmitidas pelo canal da Mostra no YouTube nos dias 25 e 26 de outubro.

A língua portuguesa tem seu espaço garantido em mais de 50 filmes brasileiros e portugueses, além de uma homenagem póstuma ao diretor lusitano Paulo Rocha através de uma retrospectiva de sete de seus filmes. A cineasta brasileira Helena Ignez, também será homenageada com o prêmio Leon Cakoff, e o lançamento do livro Helena Ignez, atriz experimental, de Pedro Guimarães e Sandro de Oliveira.
Os longas estão divididos nas seções Apresentação Especial, Competição Novos Diretores e Perspectiva Internacional. As produções brasileiras desta 45ª edição são inéditas, finalizadas entre 2020 e 2021, com exceção dos títulos restaurados.

Listamos abaixo os filmes brasileiros e portugueses que poderão ser vistos na 45ª mostra de Cinema de São Paulo. Para maiores informações sobre a programação e horários, acesse www.mostra.org ou baixe o aplicativo disponível para IOS e Android.

 

PERSPECTIVA INTERNACIONAL:

A ARTE DA MEMÓRIA, de Rodrigo Areias / PORTUGAL, BRASIL

A NOITE DO FOGO ( NOCHE DE FUEGO ), de Tatiana Huezo / MÉXICO, ALEMANHA, BRASIL, CATAR

AMOR FATI, de Cláudia Varejão / PORTUGAL, SUÍÇA, FRANÇA

DIÁRIOS DE OTSOGA, de Miguel Gomes, Maureen Fazendeiro / PORTUGAL

LISTEN, de Ana Rocha de Sousa / REINO UNIDO, PORTUGAL

NO PAÍS DE ALICE, de Rui Simões / PORTUGAL

NO TÁXI DO JACK, de Susana Nobre / PORTUGAL

SIMON CHAMA, de Marta Sousa Ribeiro / PORTUGAL

VISÕES DO IMPÉRIO, de Joana Pontes / PORTUGAL

 

COMPETIÇÃO DE NOVOS DIRETORES:

7 PRISIONEIROS, de Alexandre Moratto / BRASIL

A FELICIDADE DAS COISAS, de Thais Fujinaga / BRASIL

A LEI, de Amadeo Canônico / BRASIL

A TERRA DE FRENTE, de Thiago Cóstackz / BRASIL

BOB CUSPE – NÓS NÃO GOSTAMOS DE GENTE, de Cesar Cabral / BRASIL

FÉDRO, de Marcelo Sebá / BRASIL

MADALENA, de Madiano Marcheti / BRASIL

MAIOR QUE O MUNDO, de Beto Marquez / BRASIL

MAR INFINITO, de Carlos Amaral / PORTUGAL

MATEÍNA, de Joaquín Peñagaricano, Pablo Abdala / URUGUAI, BRASIL

MEMÓRIA SUFOCADA, de Gabriel Di Giacomo / BRASIL

MEU TIO JOSÉ, de Ducca Rios / BRASIL

O MELHOR LUGAR DO MUNDO, de Caco Ciocler  / BRASIL

OS DONOS DA CASA, de Carla Dauden / BRASIL

POROPOPÓ, de Luís Igreja / BRASIL

TEMPO RUY, de Adilson Mendes  / BRASIL

TRANSVERSAIS, de Émerson Maranhão / BRASIL

VENICE BEACH, CA., de Marion Naccache / FRANÇA, BRASIL

 

APRESENTAÇÃO ESPECIAL:

ATO, de Bárbara Paz / BRASIL

A TÁVOLA DE ROCHA, de Samuel Barbosa / PORTUGAL

MEDUSA, de Anita Rocha da Silveira / BRASIL

O REI DA NOITE, de Hector Babenco / BRASIL

TERRA ESTRANGEIRA, de Daniela Thomas, Walter Salles / BRASIL

ZIRALDO – ERA UMA VEZ UM MENINO, de Fabrizia Pinto / BRASIL

ZIRALDO – UMA OBRA QUE PEDE SOCORRO, de Guga Dannemann / BRASIL

 

MOSTRA BRASIL:

A VIAGEM DE PEDRO, de Laís Bodanzky / BRASIL, PORTUGAL

ANTÍGONA 442 A.C., de Maurício Farias / BRASIL

AS FACES DO MAO, de Dellani Lima, Lucas Barbi / BRASIL

AS VERDADES, de José Eduardo Belmonte / BRASIL

CURTAS JORNADAS NOITE ADENTRO, de Thiago B. Mendonça / BRASIL

DESERTO PARTICULAR, de Aly Muritiba / BRASIL

DESPEDIDA, de Luciana Mazeto, Vinícius Lopes / BRASIL

JÁ QUE NINGUÉM ME TIRA PRA DANÇAR, de Ana Maria Magalhães / BRASIL

MARES DO DESTERRO, de Sandra Alves / BRASIL

MARINHEIRO DAS MONTANHAS, de Karim Aïnouz / BRASIL

MUNDO NOVO, de Álvaro Campos / BRASIL

O CIRCO VOLTOU, de Paulo Caldas / BRASIL

O PAI DA RITA, de Joel Zito Araújo / BRASIL

SARS-COV-2 / O TEMPO DA PANDEMIA, de Eduardo Escorel, Lauro Escorel / BRASIL

SOL, de Lô Politi / BRASIL

TARSILINHA, de Celia Catunda, Kiko Mistrorigo / BRASIL

URUBUS, de Claudio Borrelli / BRASIL

 

RETROSPECTIVA PAULO ROCHA:

A ILHA DE MORAES, de Paulo Rocha / PORTUGAL

A ILHA DOS AMORES, de Paulo Rocha / PORTUGAL

MÁSCARA DE AÇO CONTRA ABISMO AZUL, de Paulo Rocha / PORTUGAL

MUDAR DE VIDA, de Paulo Rocha / PORTUGAL

O RIO DO OURO, de Paulo Rocha / PORTUGAL, FRANÇA, BRASIL

OS VERDES ANOS, de Paulo Rocha / PORTUGAL

SE EU FOSSE LADRÃO… ROUBAVA, de Paulo Rocha / PORTUGAL