A PRIMEIRA EDIÇÃO DO FESTIVAL FIXE

A primeira edição do Festival FIXE (lê-se “fiche”, gíria portuguesa que significa legal, com estilo e boas qualidades), reuniu a nova produção artística e cultural de países e regiões lusófonas, entre os dias 05 e 09 de maio. A programação, totalmente gratuita e online, apresentou nomes de destaque nas áreas de música, cinema, moda, literatura, teatro, gastronomia e artes visuais, de países como Moçambique, Angola, Guiné-Bissau, São Tomé e Príncipe, Portugal, Cabo Verde e Brasil.

FIXE é uma ação permanente de pesquisa, encontro e reflexão sobre a produção artística contemporânea dos países de língua portuguesa. Além de apresentar anualmente um evento com uma semana de atividades, o projeto lança este portal como referência e acervo de conteúdos. Com atualizações semanais, as pautas do site transcendem a divulgação dos eventos do festival, sempre trazendo indicações e destaques entre os lançamentos da lusofonia, uma ação permanente de encontro e reflexão da produção contemporânea com olhar crítico no qual você irá encontrar posts com dicas, links, playlists, imagens, textos e muito mais. Todo o conteúdo do site também seguirá sendo distribuído pelas redes sociais do Fixe.

Idealizada e dirigida pela gestora cultural Fabiana Batistela, a plataforma – que abrange o festival e o portal – busca valorizar a identidade da cultura contemporânea do território lusófono, incentivar a conexão e estreitar relações artísticas entre os países participantes, potencializar novas parcerias, valorizar nossa história e apontar possibilidades para o futuro para gerar novos públicos e negócios.

A equipe de curadoria e colaboradores do Fixe é formada por artistas e profissionais da cultura de vários países lusófonos e também fará parte da produção de conteúdo do portal, trazendo destaques das áreas relacionadas como Música, Cinema, Artes Visuais e Design, Moda e Gastronomia, que poderão ser disponibilizados no formato de texto, áudio, imagens e vídeos, sempre conectados com lançamentos, novidades e destaques nas suas respectivas áreas.

Outro destaque é a playlist, que foi concebida para unir referências musicais lusófonas e que será atualizada semanalmente podendo se consolidar como uma referência de pesquisa e conteúdo inédito. Esta playlist terá destaque no portal e redes sociais, buscando ser uma conexão contínua com o público.

Com estas ações ampliaremos a duração e o alcance dos conteúdos. Mais que um espaço de divulgação, o site é uma plataforma dinâmica e estará sempre conectado com as novas ferramentas e plataformas web disponíveis para apresentar estes trabalhos de maneira acessível e atrativa.

O Fixe é realizado pela Inker Agência Cultural, dirigido por Fabiana Batistela, com direção de projeto de Maithe Bertolini e produção e curadoria da Agência Let’s Gig.