LÉVE LÉVE – PRIMEIRA COLETÂNEA DA MÚSICA DE SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE

Formado por duas ilhas localizadas no Golfo da Guiné, próximo à costa do Gabão, São Tomé e Príncipe é o menor país de língua portuguesa no mundo. Mas é importante dizer que dialetos como o forro, angolar, lunguié e principense ainda são bastante utilizados.  Com uma população de cerca de 215 mil habitantes e conhecido por seu potencial turístico, o país tem uma cultura bastante diversa e particular, com predominância de elementos africanos, mas que também traz certa influência de seus colonizadores.

Um exemplo dessa riqueza é a música local. Os ritmos mais conhecidos na ilha de São Tomé são o socopé e o ússua, e na ilha de Príncipe o dêxa. Infelizmente, essa música pouco divulgada ao resto do mundo até pouco tempo, ficando restrita quase que exclusivamente aos moradores locais e à diáspora Santomense.

No ano passado o selo suíço Les Disques Bongo Joe lançou a primeira coletânea dedicada totalmente à música de São Tomé e Príncipe: “LÉVE LÉVE – Sao Tomé & Principe sounds 70s-80s”. O nome vem de uma expressão local que poderia ser traduzida como “Fica de boa”. A compilação é fruto do trabalho do francês Thomas Bignon, conhecido como DJ Tom B, um pesquisador apaixonado da música lusófona que há mais de duas décadas coleciona discos de vários países, especialmente do Brasil. Como o título indica, as músicas selecionadas são dos anos 70 e 80, considerada a era de ouro da música daquele país.

São 16 faixas que exploram uma variedade de ritmos como o semba, merengue, kompass, soukouss, afoxé brasileiro e a coladeira de Cabo Verde, com músicas de grupos e artistas como Africa Negra, Sangazuza, Os Úntuès, Sum Alvarinho, Conjunto Equador, Tiny das Neves, Agrupamento da Ilha e Pedro Lima e Conjunto Os Leonenses.
A seleção é acertada, fazendo desse álbum uma das melhores coletâneas de música africana dos últimos anos. O álbum pode ser comprado no site da gravadora, ou através do Bandcamp, tanto em formato digital como físico.

Ouça aqui a coletânea “LÉVE LÉVE – Sao Tomé & Principe sounds 70s-80s”

Foto: Africa Negra by iKia.nu